Escolher as alianças costuma ser uma das primeiras coisas que fazem assim que se marca a data de casamento. A troca de anéis é a maneira de simbolizar materialmente a união de duas pessoas, ou seja, é o momento alto da cerimónia nupcial.

Por tradição, estas joias costumam ser alianças, peças totalmente circulares e iguais no seu diâmetro para que sejam o mais confortáveis possível no uso diário.

O que é certo é que atualmente houve um regresso à aliança clássica, simples e tradicional, feita em ouro e platina, misturando muitas vezes designs de meia-cana, planos ou amendoados.

Mas quer se opte por uma aliança de corte clássico ou de design mais original, surge sempre a mesma pergunta: Devem os anéis ser iguais para o noivo e para a noiva?

Não existe nenhuma regra que o determine, no entanto, na Navas Joalheiros preferimos sempre aconselhar alguma coerência em ambos os anéis. Antes de mais é preciso saber que dificilmente elas serão exatamente iguais, já que vão sempre diferir em tamanho. Para os homens as alianças costumam ser mais compridas e largas, para que o efeito visual também seja mais proporcional. Por exemplo, as alianças de ouro clássicas para uma mulher com uma medida de dedo 8, a grossura lógica deveria ser 2,5 ou 3mm, enquanto que para o noivo  a medida teria de ser a 22 com 4mm de grossura. Neste caso, o mais lógico é que escolham ambos o mesmo material, ouro ou platina. Quando falamos de ouro as escolhas costumam variar entre as tonalidades de amarelo, branco, rosa ou vermelho. No entanto, escolher alianças de materiais ou cores diferentes pode fazer parecer que as peças não foram compradas de propósito para o dia em causa, mas sim herdadas ou já usadas, desmorecendo um momento tão importante quanto este.

É por esse motivo que na Navas aconselhamos sempre a que ambos os anéis tenham uma semelhança. Claro que podem haver diferenças, especialmente na aliança feminina que pode ter elementos mais chamativos, mas de uma maneira geral, deve ter linhas idênticas às do modelo masculino.

Também há que ter em conta que muitos homens não estão habituados a usar anéis ou outras peças de joalharia, por isso a aliança dele tem de ser o mais cómoda possível, com formas sóbrias e simples, mas com um design visivelmente robusto.

Na Navas Joalheiros todas as alianças são feitas como se de um anel de diamantes se tratasse, isto é, através de fundição e com um elevado grau de perfeição tanto de acabamentos como de grossura, de maneira a garantir a longevidade da peça ao longo do tempo.

Uma ótima opção é escolher designs iguais e posteriormente personalizá-los,  acrecentando elementos como diamantes ou outras pedras preciosas de cor para a aliança da noiva, e manter o anel do noivo o mais simples possível.

Pode ainda aceder ao serviço Desenhe a sua Jóia da Navas Joalheiros, onde se podem fazer alianças de casamento ou outras peças de joalharia à medida. Este processo seria iniciado através de um pedido do cliente, junto com uma fotografia ou em esboço da peça pretendida. Desta forma seria possível ter alianças de casamento totalmente personalizadas e únicas, o que lhes dava ainda mais exclusividade.

Definitivamente, a loja online da Navas Joalheiros é o sítio onde pode encontrar uma enorme variedade de alianças de casamento com designs perfeitos tanto para ele como para ela, com modelos semelhantes ou diferentes mas sempre com toda qualidade garantida e a máxima elegância.

Uma das peças mais ecolhidas pelos homens modernos é esta aliança de linhas vanguardistas, modelo CASEY. É uma peça feita em ouro de Primeira Lei liso e mate, que se diferencia das alianças clássicas pelo seu design super atual.

casey-principal

Por outro lado, uma aliança parecida e que poderia ser ideal para a noiva, é o modelo MAIA. Uma aliança de diamantes com um design exclusivo e perfeito para usar no dia-a-dia.

alianza_de_boda_con_diamantes_maia

Outro design para ela, super feminino e subtil, é este belissímo anel modelo JOAQUIM VERDÚ 14. Uma peça com diamantes e ouro de 18 quilates com um design moderno mas muito simples.

verdu-14-alianza-principal

A Navas Joalheiros também tem sempre disponível o Serviço de Atenção Personalizada, para dar “aquela mão” na hora de escolher as alianças de casamento.

Em www.navasjoalheiros.com podem ver-se todas as coleções, contudo, existem também Showrooms temporários nas cidades de Lisboa e do Porto, onde se podem ver e experimentar os modelos preferidos. O melhor de tudo é que pode comprar a sua joia diretamente no Showroom beneficiando de todas as vantagens de uma compra online. Para isso, basta fazer uma marcação prévia através dos nossos canais: e-mail; telefone ou chat, e assim a equipa comercial estará à sua espera para o atender com a máxima personalização.

O anel de noivado é a joia que oficializa o compromisso, isto é, com a qual se manifesta-se a vontade de estar com outra pessoa o resto da nossa vida.

Este símbolo deve estar à altura das circunstâncias e representar o momento do pedido que, por outro lado, também costuma ser um evento social importante para familiares e amigos. Hoje ajudamos a escolher o anel que cumpre uma série de requisitos e condições, tais como: ser fabricado com materiais preciosos como ouro de 18 quilates ou platina, e a utilização de gemas naturais de qualidade, por exemplo, diamantes, safiras, rubis, esmeraldas, etc.

Além disso, um anel de noivado deve ter um design original e bonito, cuja estrutura seja de qualidade e com a garantia de comodidade suficiente para que a noiva o use diariamente. Tudo isto nem sempre é fácil de encontrar, especialmente por um valor razoável, mas é por essa razão que existe a Navas Joalheiros. Oferecemos em qualquer das nossas lojas online uma grande variedade de peças ao melhor preço do mercado.

A escolha do anel perfeito é, na maioria dos casos, uma tarefa complicada, por isso brindamos todos os nossos clientes com um aconselhamento profissional tanto online como presencialmente nos nossos Showrooms. Este serviço é totalmente gratuito, sem compromisso de compra, e estende-se a todos os modelos das nossas coleções.

Com tudo isto, e uma vez feito o pedido de casamento pode acontecer a noiva não gostar da peça. No entanto, a Navas dá um prazo de três meses a partir da compra para eventuais trocas.

Geralmente os noivos costumam ter dúvidas em relação a este tipo de peças, e é por esse motivo que nesta publicação nos dedicamos a esclarecê-las o melhor possível.

Onde se costuma usar o anel de noivado?

Tal como manda a tradição, o anel que antecede à aliança de casamento indica que a mulher está comprometida, pelo que se deve usar no dedo anelar da mão direita. Uma vez contraído o matrimónio este passa a ocupar o mesmo lugar, mas na mão esquerda.

Contudo existem sítios onde este costume é diferente, a mão direita está livre e o anel de noivado usa-se sempre do lado esquerdo.

O que ditam as tendências vindas dos Estados Unidos, onde o anel de noivado e a aliança se usam no mesmo dedo, é que estas duas joias se completem e formem um efeito visual único. Desta forma também se evitam mudanças de tamanho já que existem diferenças entre o tamanho do mesmo dedo nas duas mãos. Embora as “regras” do chamado efeito twins não estejam escritas, na Navas gostamos sempre de dar algumas orientações para que o resultado seja perfeito:

Em princípio, ambas as joias devem ser feitas pela mesma marca. Isto deve-se ao facto de se conseguir o mesmo grau de acabamentos e lustres, sendo que na Navas aplicamos sempre os mais exigentes critérios de qualidade, garantindo assim um melhor produto.

Devem também ser concebidos pela mesma equipa criativa, já que esta reforça o efeito de beleza e homogeneidade que define uma linha clara de modelagem, fazendo com que toda a estética pareça apenas uma peça.

Para um bom resultado final, é preferível que os anéis sejam feitos com a mesma tonalidade de material, seja ouro branco ou amarelo de Primeira Lei ou mesmo em platina. Muitas pessoas preferem a combinação de cores entre os ouros, reservando o branco e rosa para o anel de compromisso e o amarelo clássico para as alianças de casamento. No final, o efeito twins bicolor pode ser original já que se consegue uma diferenciação das joias com maior perceção, e portanto, o significado de cada uma está mais presente.

Por último, é necessário que ambos os modelos se adaptem ao máximo um ao outro, isto é, dificilmente se consegue um efeito twins se um dos braços tem um efeito sinuoso ou ondulado face a uma aliança de casamento plana.

Em qualquer das nossas lojas online poderá encontrar imensos designs de grande beleza e qualidade, sendo que terá sempre que necessitar a ajuda do nosso aconselhamento profissional.

Se está decidido a combinar tanto um estilo específico de anel de noivado como de aliança de casamento no mesmo dedo, a Navas Joalheiros oferece-lhe ainda a oportunidade de recorrer ao nosso serviço Desenhe a sua Joia com o qual pode criar uma aliança e um anel de compromisso únicos e à medida, para que estes se complementem na perfeição. Tudo isto por um preço final que o surpreenderá, posicionando-se abaixo daquilo que seria de esperar, dada a exclusividade deste serviço.

esmeraldas navas joalheiros

Dentro do mundo da joalharia e da gemologia a esmeralda ocupa um lugar priveligiado.

Esta pedra preciosa pertence à família dos berilos, e o seu nome vem do termo “pedra verde”, em persa. É uma gema muito valorizada, e desde a antiguidade já se usava bastante junto à malaquite, como ornamento de joias, armas e esculturas. Encontra-se em alguns países mas as mais valorizadas são as do Brasil e da Colômbia.

Gemológicamente, e como já dissemos, é uma variante dos berilos. Um mineral ciclo silicato onde o crómio e vanádio lhe conferem esta característica cor verde-erva.

A esmeralda é uma pedra que consegue adaptar-se aos diferentes designs e formatos propostos pelos designers de joias. A forma de lapidação mais usual é a retangular com cantos arredondados, também denominada talha esmeralda, por ser mais habitual nesta gema. No entanto, também a podemos encontrar em talha oval facetada, marquise ou navette, talha redonda ou quadrada, entre outras.

As esmeraldas garantem-nos sempre joias de qualidade, às quais a equipa criativa da Navas aplica o seu melhor engenho para que as peças sejam ainda mais belas, originais e únicas. E claro, sempre ao melhor preço.

No que toca a cuidados, devemos ter em conta que estas pedras são mais frágeis. Ocupam o sétimo lugar na escala de Mohs, que determina o grau de dureza das gemas, situando-se bem abaixo dos diamantes e dos corindos. Além disso, a esmeralda é porosa e pode ser afetada por produtos químicos que entrem em contacto com a sua superfície. Assim, a Navas Joalheiros deixa-lhe aqui alguns conselhos práticos para que mantenha as suas esmeraldas sempre perfeitas e brilhantes:

  • Convém mantê-las bem acomodadas e afastadas de outras peças;
  • Evitar o contacto com produtos abrasivos, ácidos, mercúrio ou outros produtos de limpeza mais radicais;
  • Convém manter as joias de esmeraldas em bolsas plásticas que não transpirem, ou então, fechá-las hermeticamente;
  • As joias de esmeraldas requerem um tratamento de manutenção para que estejam sempre em pleno esplendor. Este tratamento consiste em passar um pouco de óleo de cedro, à venda em ervanárias, aplicando-o com um cotonete. Põe-se a joia sob uma luz intensa à distância de, aproximadamente, 20 cm. Passados 10 minutos, retira-se os restos de óleo com um novo cotonete ou com um pano. Desta forma, a esmeralda estará sempre hidratada, potenciando a sua cor e mostrando a sua beleza.

 

E depois de tudo isto, que tal se vos mostrarmos três modelos de anéis de esmeraldas e diamantes? Apenas vos dizemos uma coisa: não saberão qual deles escolher…

O primeiro é CALI, um anel de ouro de Primeira Lei protagonizado por uma espetacular esmeralda colombiana, acompanhada de diamantes cravados por toda a peça. Uma joia muito especial, por um valor surpreendente.

O segundo, CAUCA, é outro esboço incrível. Um anel com uma esmeralda e diamantes, feito em ouro de Primeira Lei, de estilo elegante e simples. É o presente perfeito para celebrar qualquer ocasião especial. Destacamos a esmeralda central em talha retangular, denominada talha esmeralda, já que é a forma mais comum neste tipo de gema. Está engastada em quatro subtis garras de ouro, que evidenciam a sua cor e brilho. Para potenciar a beleza natural desta pedra, foram colocadas três diamantes em cada um dos seus lados, cujo brilho combina na perfeição com a gema. Uma peça de alta joalharia, de grande qualidade e design exclusivo, por um valor excecional.

Por fim, temos um modelo clássico e intemporal, de seu nome ORLA ESMERALDA. É o anel de noivado perfeito para mulheres elegantes que adorem esmeraldas. O seu design tradicional baseia-se numa armação de ouro de 18 quilates e num rebordo de diamantes que rodeia uma esmeralda. O eixo central da peça é esta pedra natural de origem colombiana, em lapidação oval facetada. Caracteriza-se pela sua intensa cor verde-erva, pela cristalização e por ser considerada uma das melhores gemas do mundo.

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR
Aviso de cookies